• Information To Patients >
  • Ecografia Endo-anal

    Inglês Ver em Inglês

    ECOGRAFIA ENDO-ANAL

     

     

    O que é a Ecografia Endo-Anal?

    A Ecografia Endo-Anal é um exame que permite ao médico a avaliação em profundidade, pelo recurso à ecografia, dos diferentes constituintes da parede do canal anal e da parte final do recto, assim como da área envolvente.

     

    Porque é necessária a Ecografia Endo-Anal?

    Trata-se de uma técnica muito precisa no estadiamento pré-operatório de tumores rectais e do canal anal, e no estudo da patologia ano-rectal benigna, como abcessos, fístulas ou avaliação de casos de incontinência fecal.

     

    Como decorre a Ecografia Endo-Anal?

    O exame consiste na introdução de uma sonda rígida de ecografia através do ânus, que o médico faz avançar lentamente. Esta sonda tem incorporado na sua extremidade um transdutor ecográfico que permite abranger, num só plano, toda a circunferência do canal anal.

     

    Utilização de sonda ecográfica rígida ano-rectal

     

    Deverá efectuar a preparação que lhe foi indicada, para que se obtenha uma limpeza adequada no interior do intestino. O exame será iniciado com o paciente deitado sobre o seu lado esquerdo, de costas para o médico. No entanto, se necessário, poderá ser-lhe pedido que mude de posição durante o exame. O exame dura habitualmente entre 15 a 30 minutos.

     

    É geralmente um exame bem tolerado, efectuado em regime de ambulatório, sem necessidade de sedação ou analgesia. Pode sentir algum desconforto abdominal e a sensação de querer evacuar. Estas queixas melhoram com a retirada do aparelho ou alguns minutos após o final do exame.

    Após o exame poderá comer normalmente e retomar as suas actividades habituais.

     

    Quais as possíveis complicações?

    A Ecografia Endo-Anal é habitualmente um procedimento muito seguro e bem tolerado. Embora possam ocorrer complicações (hemorragia, perfuração), elas são raras e podem em alguns casos ser resolvidas com terapêutica médica conservadora ou através de técnicas endoscópicas. No entanto pode haver necessidade de ser submetido a uma cirurgia. Se sentir alguma queixa nova após o exame que o preocupe, contacte a Unidade de Endoscopia onde realizou o procedimento ou o Serviço de Urgência do Hospital mais próximo.

     

    NOTA IMPORTANTE:

     

    Estas informações pretendem apenas fornecer indicações gerais, não substituindo o aconselhamento médico definitivo. É essencial que discuta com o seu médico acerca da sua condição clínica específica.